Joma Sipe

Poemas para as Obras l Poems for the Works: 

MENSAGEM 1 l MESSAGE 1
Estrelas fixas num universo oculto, Dentro de ti e do teu ser.
Luzes que se descobrem no âmago da Luz vivente, No teu corpo e no teu olhar.
Há um universo de galáxias em ti, Que rodeia os vales verdejantes.
Há um pastor que te ama e, Oculto, te vela, uma certeza de que a tua alma é eterna.

Fixed stars in a hidden universe, Within thee and thy being.
Lights that are discovered in the heart of The living light, In your body and your look.
There is a universe of galaxies in thee, That surrounds the verdant valleys.
There is a Shepherd who loves you, And, hidden, veils you, A certainty that your soul is eternal.

MENSAGEM 2 l MESSAGE 2
Crepúsculos de dor que se desvanecem, Apenas o físico sofre, lembra-te Da tua imortalidade.
O consolo dos céus está dentro do teu coração, O teu tesouro bate em uníssono com ele.
A folhagem oculta e os véus Do tempo dissipam-se, Para que te possas contemplar a ti mesmo.
Filho do Altíssimo e Ser sem Vidas fugazes, O teu Pai é a tua fonte inesgotável De vida eterna.

Twilights of pain that fade away. Only the physical suffers; remind yourself Of your immortality.
The consolation of heavens is within your heart, Thy treasure beats in unison with it.
The hidden foliage and the veils of Time dissipate, So that you may contemplate thyself.
Son of the most High and Being without Fleeting lives, Your Father is your inexhaustible source Of eternal life.

MENSAGEM 3 l MESSAGE 3
Não te preocupes com o que não vem, Com o que sabes ser leve como a brisa. Alcança sim o pensamento elevado
Das esferas celestes, Verás em ti, o candelabro das sete velas iluminado. Se olhares para dentro do teu âmago,
Serás um, com todos e o universo mágico. Hoje, apenas hoje, vive a oportunidade Que te foi dada,

de seres Amor, desde o princípio dos séculos.

Do not worry about what doesn´t come, With what you know to be light as the breeze. May you reach the high thought of the
Heavenly spheres. You will see in you the light of seven candles lit. If you look inside your heart,
You will be one with all and with the magical universe. Today, just today, live the opportunity that was Given thee,
To be Love, from the early centuries.

MENSAGEM 4 l MESSAGE 4
Partilha-te, revê os sonhos que hoje viveste, Lembra-te de ti mesmo, recorda o que és. Há uma Luz em ti que jamais se extingue,
Uma vela acesa, de uma cera imortal. Afasta o véu de veludo que encobre teus olhos, Vê,
Com o olhar dos linces, a tua mesma beleza e Luz. As sombras nada serão, Perante a tranquilidade oculta do teu coração sereno.

Share yourself, review the dreams that you lived today; Remember yourself, remember who you are. There’s a light in you that will never be extinguished, A lit candle, made of an immortal wax. Take away the velvet veil that shrouds your eyes And see.
With the bobcats look at thy own beauty and light. The shadows will be nothing Before the hidden tranquility of your serene heart.

MENSAGEM 5 l MESSAGE 5
As tuas vidas já não interessam, Nem o que foste, nem o que serás. Apenas interessa o que és, O momento que tens agora é-te dado em todos os tempos. Há recordações em ti, memórias Que não esqueces-te, Muitas vidas se passaram, mas é nesta
Que estás vivo. Sê quem és, um facho luminoso e um coração desperto, Uma Força Luminosa por dentro e em todo o teu redor.

Your lives do not matter anymore, Neither what you were nor what you will be. It only matters what you are now,
The moment you have now is given to you at all times. There are memories in you, memories that you Did not forget,
Many lives have passed, but this is the only one In which you are alive. Be who you are, a light torch and an awakened heart,
An illuminated Force inside and all around you.

MENSAGEM 6 l MESSAGE 6
Eu sei quem és, e do Amor que Aí habita nesse coração aberto, Sei da partilha que tens de dar Para que possas receber.
Há um segredo oculto Desde os tempos idos, Que sejas tu mesmo, Fiel ao teu coração quieto. Tudo o que está secreto
É do teu conhecimento, Ama-te a ti mesmo, concede a dádiva Que também te é dada. Ama todos os que vêm a ti,
Na procura de Amor, Porque apenas o Amor é o que és E só Amor podes partilhar.

I know who you are and the love that Lives there in your open heart. I know of the sharing that you have
To give so you can receive. There is a secret hidden From the bygone days, That is to be yourself, Truthful to your still heart. Everything that is secret Is of your knowledge. Love thyself; give the gift that is also given to you.
Love everyone who comes to you In search of love, Because only love is what you are And only love can you share.

LICORNE E CHAKRAS l LICORNE AND CHAKRAS

Centros de luz e poder residem no teu corpo. É a tua ligação ao universo: A forma de comunicares com o mundo, Extra física, sem dimensão; A forma de conheceres quem és E qual a tua aparência
Nos universos repletos de luz.

​ 

Centers of light and power lie within your body. It is your link with the universe: The way you communicate with the world, Extra physical, without dimension; The form of knowing who you are And what your appearance is
In the universes full of light.

​ 

CHAKRA 1 (MULADHARA—EPHESI ECCLESIÆ)

Quando a Luz chegou a mim eu era o primogénito. Dentro do teu ventre, Mãe, eu não chorava. Não pedi por prazer, nem nenhuma veste para cobrir o meu corpo. No princípio não tinha vergonha e o meu corpo inteiro era perfeito, Tão perfeito e equilibrado, Sabendo o caminho a seguir, como o rio reconhece o mar.
Estou agora três vezes adormecido dentro do teu ventre, Mãe. Tenho mel nos meus lábios e doçura dentro do meu coração. Tenho de despertar, Mãe, E mostrar-me a mim mesmo a todo o inteiro e amargo mundo.
O meu sangue é vermelho, e as minhas veias têm o sabor de uma brisa calma.


When Light came to me I was the first born. Inside your womb, Mother, I did not cry. I did not ask for pleasure or any cloth to cover my body. At first I had no shame and my entire body was perfect, So perfect and balanced,
Knowing the way to go, as the river the sea recognizes. I am now three times at sleep inside your womb, Mother. I have honey in my lips and sweetness inside my heart. I must awake, Mother, And show myself to the entire, bitter world. My blood is red and my veins taste like a calm breeze.

CHAKRA 2 (SWADISTANA—SMYRNÆ ECCLESIÆ)
Despertei. Não dorme mais a minha Alma? Há lágrimas de anjos na cama onde dormi. Começo agora a subida da escadaria até ao céu, Vejo as pétalas no exterior das flores. Parecem-me de cor laranja. Parecem-me com Luz aberta atravessando um caminho ladeado de ambos os lados por árvores tristes.
Conheço agora o meu Caminho de peregrino. As estrelas estarão sempre a meus pés. Deixa as nuvens negras desaparecer e o sol beijar a minha cabeça. Eu sou a despedida na última tarde de um dia de Verão.
Estes são os dois lados do arco-íris.

I have awakened.Doesn’t my Soul sleep any more? There are angel´s tears on the bed where I slept. Starting now to climb the stairways to heaven, I see the petals outside the flowers. They appear orange to me. They appear as open Light crossing a way flanked
on both sides by sad trees. I know now my pilgrimage Path. The stars will always be at my feet. Let the dark clouds disappear and the sun kiss my head. I am the farewell in the last afternoon of a summer holiday. These are the two sides of the rainbow.

CHAKRA 3 (MANIPURA—PERGAMI ECCLESIÆ)
O passado não existe mais. Cheguei ao terceiro nível do conhecimento interior. Não há lugar para tristeza e as lágrimas aqui não encontram descanso. Flores amarelas florescem em meu coração. Os campos estão cobertos com pétalas verdes encantadas de flores amarelas. O meu corpo veste-se de luz branca brilhante para receber amor. Vem a mim, gentil criança. Vem aos braços de um Pai que não mais pune, Que ama e nada exige em troca. Sou Um com a alma do Pai. Sou Um com a Essência da Mãe.

The past exists no more. I have reached the third level of knowledge inside. There is no place for sadness, and tears find no rest here.
Yellow flowers blossom in my heart. The fields are covered with green enchanted petals of yellow roses. My body dresses with bright white light to receive love. Come to me, gentle child. Come to the arms of a Father that punishes no more, Who loves and nothing asks in return. I am One with the soul of the Father. I am One with the Essence of the Mother.

CHAKRA 4 (ANAHATA— THYATIRÆ ECCLESIÆ)
Quem sabe? Apenas o verde coração aberto das florestas fechadas. Quem quer saber? Apenas o louco perfeito, procurando pelo Templo de Luz interior. Continua a procurar, Oh louco dos loucos! Continua a desejar a esperança e com fé.
Nada tão precioso foi alguma vez dado a alguém: Fé. Com ela podes mover as tuas montanhas interiores.
Acredita no teu coração, querida criança de Deus. Dentro de ti reside todo o universo. Tu és verdadeiramente tudo o que existe.

Who knows? Only the green open heart of the closed forests. Who wants to know? Only the perfect fool, looking for the Light Temple inside. Keep looking, O fool of fools! Keep longing for hope and with faith. Never something so precious has ever been given to anyone: Faith. With it you can move your own inner mountains. Believe in your heart, dear child of God. Inside of you lies the entire universe.
You are truly everything that exists.

CHAKRA 5 (VISHUDDA—SARDIS ECCLESIÆ)
Expressa os sentimentos. Expressa-te a ti mesmo em ondas azuis de pensamento, carinho e emoção. Ama todo o mundo até ao infinito.
Como o vento sopra suave sobre os mares, Sopra o teu amor com carinho suave por toda a tua existência. Podes ver agora.
Tudo pode ser visto por ti. Não tenhas medo do pôr-do-sol. Amanhã haverá sempre um novo nascer-do-sol, Uma nova manhã azulada à espera de um caminho diferente daquele que havias escolhido.

Express the feelings. Express yourself in blue waves of thought, care, and emotion. Love the entire world until infinity.
As the wind blows softly above the seas, Blow your love with kindly care through all your existence. You can see now.
Everything can be seen by you. Don’t be afraid of the sunset. Tomorrow there will always be a new sunrise,
A new blue dawn waiting for a way different from the one you chose.

CHAKRA 6 (AJNA—PHILADELPHIÆ ECCLESIÆ)
Estás quase lá, pequena criança. Deixa apenas a tua imaginação correr livre. Acende o fogo na vela do teu coração.
Incendeia as tuas veias índigo com sangue mágico. Deixa o terceiro olho ser aberto. Deixa a tua intuição comandar as tuas pisadas.
Deixa a areia no teu caminho ser suavizada por palavras dóceis. Estás quase lá. O céu está perto, Apenas uma nuvem acima.

You are almost there, little child. Just let your imagination go free. Set the fire in the candle of your heart.
Light your indigo veins with magic blood. Let the third eye be open. Let your intuition lead your footprints.
Let the sand on your path be softened by loving words. You are almost there. Heaven is near, Just one cloud above.

CHAKRA 7 (SAHASRARA—LAODICIÆ ECCLESIÆ)
Chegaste ao céu. Não lhe toques; vive dentro dele. Não penses que não é para ti; ele é tudo o que tu és.
Não penses que não podes lá chegar; ele está já dentro. Apenas apercebe-te, pequena criança branca, da beleza da tua coroa.
Todos os anjos cantam agora. Juntos louvam Aquele que chegou à outra margem. Apenas uma margem, mas muitos barcos que navegam até ela. Apenas uma areia, mas tantas pegadas que não vão a lado algum. Apenas um Deus, mas tantas Essências espalhando o seu Amor.

You have reached heaven, Don’t touch it; live inside it. Don’t think that is not for you; it is all that you are.
Don’t think that you can’t get there; it is already inside. Just realize, little white child, the beauty of your crown.
All the angels sing now. Together they praise the One who has reached the other side. Only one shore, but so many ships that sail to it.
Only one sand, but so many footprints that go nowhere. Only one God, but so many Essences spreading his Love.

O RETORNO À INOCÊNCIA l THE RETURN TO INNOCENCE
Quando os Olhos do Coração se abrem, Os Olhos da Alma ganham vida. Tu crias com o Poder dos Céus:
Isso que está dentro do teu Puro Lago de Sabedoria: Isso que está na profundidade do Espírito que descansa dentro.
Volta a Isso. Procura-O. Quando o tempo chegar verás, Será o Retorno à tua Essência, O Retorno à Inocência.

When the Eyes of the Heart are opened, The Eyes of the Soul come to life. You create with the Power of Heavens:
It is within your Pure Lake of Wisdom: It is deep in the Spirit that lies inside. Return to It. Seek It. When time comes you will see,
It will be the Return to your Essence, The Return to Innocence.

ORATIO (ORAÇÃO l PRAYER)
O amanhã chegará dentro de dois segundos. Nunca é o mesmo: O sangue que flui através das tua veias, O cabelo que cresce na tua cabeça, As pétalas que se abrem. Nunca é o mesmo: A oração no Altar Interior, A canção dos teus lábios, A compreensão de uma criança.

Tomorrow will come within two seconds. It is never the same: The blood that flows through your veins, The hair that grows on your head, The petals that are being opened. It is never the same: The prayer to the Inner Altar, The song from your lips, The understanding of a child.

CONSTELAÇÕES L CONSTELLATIONS
Miríades de estrelas olham por ti. O Divino toma conta de ti, e nos seus olhos Sempre procura adoração de ti.
Quer acredites, ou não acredites, Quer entendas, Ou não entendas, Há um universo de Justiça. E os olhos da verdade Sempre te vigiam.

Myriads of stars look for you. The Divine takes care of you, and his eyes always look for worship from you.
Whether you believe or do not believe it, Whether you understand Or do not understand, There is a universe of Justice. And the Eyes of Truth Are always watching you.

SIGILLUM DEI AMETH (O SELO DA VERDADE DE DEUS l THE SEAL OF THE TRUTH OF GOD)
A magia e o poder são dados ao Filho Que procede do Pai E que possui todos os seus atributos: Poder, Sabedoria, Luz e Energia
Que criam constantemente.


The magic and power are given to the Son Who proceeds from the Father And has all his attributes: Power, Wisdom, Light, and Energy
That create constantly.

SRI YANTRA
Sou a pétala dentro do círculo. Sou a flor dentro do quadrado. Sou a luz dentro do triângulo. Sou a Pétala. Sou a Flor. Sou a Luz.
Sou o círculo, o quadrado e o triângulo. Amor é Tudo O que Eu Sou.

I am the petal inside the circle. I am the flower inside the square. I am the light inside the triangle. I am the Petal. I am the Flower.
I am Light. I am the circle, the square, and the triangle. Love is All that I Am.

© 2019 by Joma Sipe

Todos os Direitos Reservados / Proíbida a Cópia e Duplicação sem prévia Autorização do Autor

All Rights Reserved / Copy and Duplication Forbidden without Author´s Authorization

  • Joma Sipe Facebook
  • Joma Sipe Instagram
  • Joma Sipe Twitter
  • Joma Sipe YouTube