Joma Sipe

Textos do Livro "Um Curso Em Milagres" l Texts from the Book "A Course In Miracles"

A VINDA DO ESPÍRITO SANTO l THE COMING OF THE HOLY SPIRIT
Em torno de ti anjos pairam amorosamente para manter distantes todos os pensamentos escuros de pecado e manter a luz aonde ela penetrou. As marcas dos teus passos iluminam o mundo, pois onde caminhas, o perdão vai alegremente contigo.
— Um Curso em Milagres: T-26. IX. 7: 1– 2


Around you angels hover lovingly, to keep away all darkened thoughts of sin, and keep the light where it has entered in. Your footprints lighten up the world, for where you walk forgiveness gladly goes with you.
—A Course in Miracles: T-26. IX. 7: 1–2

A PORTA DO CÉU l THE DOOR OF HEAVEN
A cada dia e em cada minuto de cada dia e em cada instante que cada minuto contém, tu apenas revives o único instante em que o tempo do terror tomou o lugar do amor. E assim morres a cada dia para viver outra vez, até que atravesses a brecha entre o passado e o presente, que não é absolutamente uma brecha. Assim é cada vida: um aparente intervalo do nascimento à morte e mais uma vez à vida, uma repetição de um instante que se foi há muito e que não pode ser revivido. E tudo o que existe do tempo não passa da crença louca segundo a qual o que passou ainda está aqui e agora.
Perdoa o passado e deixa-o ir, pois ele já se foi. Tu já não te encontras na terra que está entre os dois mundos. Foste adiante e alcançaste o mundo que está na porta do Céu. Não existe nenhum obstáculo para a Vontade de Deus, nem existe necessidade alguma de que mais uma vez repitas a jornada que terminou há tanto tempo atrás. Olha gentilmente para o teu irmão e contempla o mundo no qual a percepção do teu ódio foi transformada em um mundo de amor.
— Um Curso em Milagres: T-26. V. 13 – 14

Each day, and every minute in each day, and every instant that each minute holds, you but relive the single instant when the time of terror took the place of love. And so you die each day to live again, until you cross the gap between the past and present, which is not a gap at all. Such is each life; a seeming interval from birth to death and on to life again, a repetition of an instant gone by long ago that cannot be relived. And all of time is but the mad belief that what is over is still here and now.
Forgive the past and let it go, for it is gone. You stand no longer on the ground that lies between the worlds. You have gone on, and reached the world that lies at Heaven’s gate. There is no hindrance to the Will of God, nor any need that you repeat again a journey that was over long ago. Look gently on each other, and behold the world in which perception of your hate has been transformed into a world of love.
—A Course in Miracles: T-26. V. 13–14​

AS VOZES DAS SOMBRAS l THE VOICES OF SHADOWS
O Filho, a quem Deus criou, é tão livre quanto era quando Deus o criou. Ele renasceu no instante em que escolheu morrer ao invés de viver. E tu não irás perdoá-lo agora porque ele fez um erro no passado, do qual Deus não Se lembra e que não está presente? Agora estás te deslocando para trás e para frente entre o passado e o presente. Algumas vezes o passado parece real, como se fora o presente. Vozes do passado são ouvidas e, então, se duvida. Tu te pareces com alguém que ainda tem alucinações, mas a quem falta convicção naquilo que percebe. Essa é a zona fronteiriça entre os mundos, a ponte entre o passado e o presente. Aqui, a sombra do passado permanece, mas ainda assim uma luz presente é vagamente reconhecida. Uma vez que é vista, essa luz não pode nunca ser esquecida. Ela não pode deixar de atrair-te do passado para o presente, onde realmente estás. As vozes das sombras não mudam as leis do tempo nem da eternidade. Elas vêm daquilo que é passado e se foi e não obstruem a verdadeira existência do aqui e agora. O mundo real é a segunda parte da alucinação segundo a qual o tempo e a morte são reais e têm uma existência que pode ser percebida. Essa terrível ilusão foi negada em nada mais do que o tempo que Deus levou para dar a Sua Resposta à ilusão por todos os tempos e em quaisquer circunstâncias. E a partir de então ela não mais existiu para ser vivenciada como se fosse o presente.
— Um Curso em Milagres: T-26. V. 11 – 12

The Son whom God created is as free as God created him. He was reborn the instant that he chose to die instead of live. And will you not forgive him now, because he made an error inthe past that God remembers not, and is not there? Now you are shifting back and forth between the past and present. Sometimes the past seems real, as if it were the present. Voices from the past are heard and then are doubted. You are like to one who still hallucinates, but lacks conviction in what he perceives. This is
the borderland between the worlds, the bridge between the past and present. Here the shadow of the past remains, but still a present light is dimly recognized. Once it is seen, this light can never be forgotten. It must draw you from the past into the present, where you really are. The shadow voices do not change the laws of time nor of eternity. They come from what is past and gone, and hinder not the true existence of the here and now. The real world is the second part of the hallucination time and death are real, and have existence which can be perceived. This terrible illusion was denied in but the time it took for God to give His Answer to illusion for all time and every circumstance. And then it was no more to be experienced as there.
—A Course in Miracles: T-26. V. 11–12

OS SÍMBOLOS DO AMOR l THE SYMBOLS OF LOVE
A ressurreição do mundo aguarda a tua cura e a tua felicidade, para que possas demonstrar a cura do mundo. O instante santo substituirá todo o pecado, se tu apenas carregares contigo os seus efeitos. E ninguém escolherá sofrer mais. A que função melhor do que essa poderias servir? Sê curado para que possas curar, e não sofras permitindo que as leis do pecado sejam aplicadas a ti. E a verdade será revelada a ti que escolheste deixar que os símbolos do amor tomem o lugar do pecado.
— Um Curso em Milagres: T-27. VI. 8

The resurrection of the world awaits your healing and your happiness, that you may demonstrate the healing of the world. The holy instant will replace all sin if you but carry its effects with you. And no one will elect to suffer more. What better function could you serve than this? Be healed that you may heal, and suffer not the laws of sin to be applied to you. And truth will be revealed to you who chose to let love’s symbols take the place of sin.
—A Course in Miracles: T-27. VI. 8

OS ANJOS VIERAM l ANGELS HAVE COME
O mais santo de todos os lugares da terra é aquele onde um antigo ódio veio a ser um amor presente. E Eles vêm rapidamente para o templo vivo, onde um lar para Eles foi preparado. Não há lugar mais santo no Céu. E Eles vieram para habitar dentro do templo que Lhes foi oferecido, para que esse seja um lugar de descanso para Eles assim como para ti. Aquilo que o ódio liberou para o amor vem a ser a luz mais brilhante na radiância do Céu. E todas as luzes no Céu são mais brilhantes agora, em gratidão pelo que foi restaurado. Agora, o templo do Deus vivo está reconstruído outra vez como anfitrião para Aquele por Quem foi criado. Onde Ele habita, o Seu Filho habita com Ele, nunca separado. E Eles dão graças porque afinal são bem-vindos. Onde estava uma cruz, agora está o Cristo ressurgido e antigas cicatrizes são curadas pelo que Ele vê. Um antigo milagre veio para abençoar e para substituir uma antiga inimizade que tinha vindo para matar. Em gentil gratidão a Deus, o Pai e o Filho retornam ao que é Deles e será para sempre. Agora o propósito do Espírito Santo está consumado. Pois eles vieram! Pois Eles vieram afinal!
— Um Curso em Milagres: T-26. IX. 6– 8

The holiest of all the spots on earth is where an ancient hatred has become a present love. And They come quickly to the living temple, where a home for Them has been set up. There is no place in Heaven holier. And They have come to dwell within the temple offered them, to be Their resting place as well as yours. What hatred has released to love becomes the brightest light in Heaven’s radiance. And all the lights in Heaven brighter grow, in gratitude for what has been restored. Now is the temple of the Living God rebuilt as host again to Him by Whom it was created. Where He dwells, His Son dwells with Him, never separate. And They give thanks that They are welcome made at last. Where stood a cross stands now the risen Christ, and ancient scars are healed within His sight. An ancient miracle has come to bless and to replace an ancient enmity that came to kill. In gentle gratitude do God the Father and the Son return to what is Theirs, and will forever be. Now is the Holy Spirit’s purpose done. For They have come! For They have come at last!
—A Course in Miracles: T-26. IX. 6–8

OS SONS DA SERENIDADE l THE SOUNDS OF STILLNESS
Como surge instantaneamente a memória de Deus na mente que não tem nenhum medo que a mantenha afastada! Sua própria lembrança se foi. Não há nenhum passado para manter sua imagem amedrontadora impedindo o alegre despertar para a paz presente. As trombetas da eternidade ressoam através da serenidade, entretanto, não a perturbam. E o que é lembrado agora não é o medo, mas a Causa e o medo foi feito para não deixar que Ela fosse lembrada e para desfazê-La. A serenidade fala em sons gentis do amor que o Filho de Deus recorda de um tempo anterior, antes que a sua própria lembrança se interpusesse entre o presente e o passado tomando-os inaudíveis.
— Um Curso em Milagres: T-28. I. 13

How instantly the memory of God arises in the mind that has no fear to keep the memory away. Its own remembering has gone. There is no past to keep its fearful image in the way of glad awakening to present peace. The trumpets of eternity resound throughout the stillness, yet disturb it not. And what is now remembered is not fear, but rather is the Cause that fear was made to render unremembered and undone. The stillness speaks in gentle sounds of love the Son of God remembers from before his own remembering came in between the present and the past, to shut them out.
—A Course in Miracles: T-28. I. 13

A ESCADA DO SONHO l THE LADDER OF DREAM
Esse mundo está cheio de milagres. Eles estão em silêncio radiante ao lado de cada sonho de dor e de sofrimento, de pecado e de culpa. Eles são a alternativa para o sonho, a escolha de ser o sonhador ao invés de negar o papel activo na invenção do sonho. Eles são os efeitos felizes de trazer de volta a consequência da doença à sua causa. O corpo é liberado porque a mente reconhece: “Isso não está sendo feito a mim, mas eu estou fazendo isso.” E, desse modo, a mente está livre para fazer uma outra escolha. Tendo aqui o seu início, a salvação procederá para mudar o curso de cada passo na descida para a separação até que todos os passos tenham sido retraçados, a escada tenha desaparecido e todo o sonhar do mundo tenha sido desfeito.
— Um Curso em Milagres: T-28. II. 12

This world is full of miracles. They stand in shining silence next to every dream of pain and suffering, of sin and guilt. They are the dream’s alternative, the choice to be the dreamer, rather than deny the active role in making up the dream. They are the glad effects of taking back the consequence of sickness to its cause. The body is released because the mind acknowledges that “this is not done to me, but I am doing this.” And thus the mind is free to make another choice instead. Beginning here, salvation will proceed to change the course of every step in the descent to separation, until all the steps have been retraced, the ladder gone, and all the dreaming of the world undone.
—A Course in Miracles: T-28. II. 12

TU NÃO NASCESTE PARA MORRER l YOU WERE NOT BORN TO DIE
A mudança é a maior das dádivas que Deus deu a tudo o que tu queres fazer com que seja eterno, para assegurar que só o Céu não passará. Tu não nasceste para morrer. Não podes mudar porque a tua função foi fixada por Deus. Todas as outras metas são estabelecidas no tempo e mudam de forma que o tempo possa ser preservado, com excepção de uma. O perdão não tem por objectivo preservar o tempo, mas fazer com que ele termine quando não tiver mais utilidade. Findo o seu propósito, ele desaparecerá. E onde ele antes tinha aparente trânsito, restaurou-se agora a função que Deus estabeleceu para o Seu Filho em plena consciência. O tempo não pode estabelecer um fim para a sua realização nem para a sua imutabilidade. A morte não mais existirá porque os vivos compartilham a função que o seu Criador lhes deu. A função da Vida não pode ser morrer. Tem que ser a extensão da vida, para que ela seja uma só para todo o sempre, sem fim.
— Um Curso em Milagres: T-29. VI. 4

Change is the greatest gift God gave to all that you would make eternal, to ensure that only Heaven would not pass away. You were not born to die. You cannot
change, because your function has been fixed by God. All other goals are set in time and change that time might be preserved, excepting one. Forgiveness does not aim
at keeping time, but at its ending, when it has no use. Its purpose ended, it is gone. And where it once held seeming sway is now restored the function God established for His Son in full awareness. Time can set no end to its fulfillment, nor its changelessness. There is no death because the living share the function their Creator gave to them. Life’s function cannot be to die. It must be life’s extension, that it be as one forever and forever, without end.
—A Course in Miracles: T-29. VI. 4

O CHAMADO DO CÉU l HEAVEN´S CALLING
Entretanto, tudo o que acontece quando a brecha se vai é a paz eterna. Nada mais do que isso e nada menos. Sem o medo de Deus, o que poderia te induzir a abandoná-lo? Que brinquedos ou truques poderiam existir na brecha capazes de te afastar por um instante do Seu Amor? Permitirias que o corpo dissesse “não” ao chamado do Céu, caso não tivesses medo de encontrar a perda do teu ser ao achar Deus? Entretanto, é possível que o teu ser se perca por se achar?
— Um Curso em Milagres: T-29. I. 9

Yet all that happens when the gap is gone is peace eternal. Nothing more than that, and nothing less. Without the fear of God, what could induce you to abandon Him? What toys or trinkets in the gap could serve to hold you back an instant from His Love? Would you allow the body to say “no” to Heaven’s calling, were you not afraid to find a loss of self in finding God? Yet can your Self be lost by being found?
—A Course in Miracles: T-29. I. 9

ECOS DA ETERNIDADE l ECHOES OF ETERNITY
Existe um lugar em ti onde todo esse mundo foi esquecido, onde nenhuma memória de pecado e nenhuma ilusão ainda paira. Existe um lugar em ti que o tempo deixou, no qual os ecos da eternidade são ouvidos. Existe um lugar de descanso tão quieto que nenhum som, a não ser um hino ao Céu, se eleva para alegrar Deus Pai e Deus Filho. Onde Ambos habitam, Eles são lembrados. E onde Eles estão, está o Céu e a paz. Não penses que podes mudar onde Eles habitam. Pois a tua identidade habita com Eles, e onde Eles estão, para sempre tu estarás.
— Um Curso em Milagres: T-29. V. 1. 2: 1–2

There is a place in you where this whole world has been forgotten; where no memory of sin and of illusion lingers still. There is a place in you which time has left,
and echoes of eternity are heard. There is a resting place so still no sound except a hymn to Heaven rises up to gladden God the Father and the Son. Where
Both abide are They remembered, Both. And where They are is Heaven and is peace. Think not that you can change Their dwelling place. For your identity abides in Them, and where They are, forever must you be.
—A Course in Miracles: T-29. V. 1. 2: 1–2

O PENSAMENTO DE DEUS l THE THOUGHT OF GOD
Será que não compreendes que opor-te ao Espírito Santo é lutar contra ti mesmo? Ele te diz apenas a tua vontade, Ele fala por ti. Na Sua Divindade está apenas a tua. E tudo o que Ele sabe não é senão o teu conhecimento, guardado para ti de modo que possas fazer a tua vontade através Dele. Deus pede que faças a tua vontade. Ele une-Se a ti. Ele não estabeleceu o Seu reino sozinho. E o próprio Céu não representa senão a tua vontade, onde tudo o que é criado é para ti. Nenhuma centelha de vida foi criada sem o teu alegre consentimento, assim como queres que seja. E nenhum Pensamento que Deus jamais tenha tido deixou de esperar pela tua bênção para nascer. Deus não é nenhum inimigo para ti. Ele nada pede além de ouvir-te chamá-Lo de “Amigo”.
— Um Curso em Milagres: T-30. II. 1

Do you not understand that to oppose the Holy Spirit is to fight yourself ? He tells you but your will; He speaks for you. In His Divinity is but your own. And all He knows is but your knowledge, saved for you that you may do your will through Him. God asks you do your will. He joins with you. He did not set His kingdom up alone. And Heaven itself but represents your will, where everything created is for you. No spark of life but was created with your glad consent, as you would have it be. And not one Thought that God has ever had but waited for your blessing to be born. God is no enemy to you. He asks no more than that He hear you call Him “Friend.”
—A Course in Miracles: T-30. II. 1

DEUS É AMOR l GOD IS LOVE
O medo de Deus decorre da lição segundo a qual o Seu Filho é culpado tanto quanto o Amor de Deus tem que ser relembrado quando ele aprende a própria inocência. Pois o ódio não pode deixar de ser o pai do medo, e olha para o seu pai como para si mesmo. Como estás errado, tu que falhas em ouvir o chamado que ecoa através de cada aparente apelo para a morte, que canta por trás de cada ataque assassino e implora que o amor seja devolvido ao mundo moribundo! Tu não compreendes Quem te chama além de cada forma de ódio, de cada chamado para a guerra. Entretanto, irás reconhecê-Lo na medida em que dás a Ele uma resposta na linguagem com a qual Ele te chama. Ele aparecerá quando Lhe tiveres respondido, e Nele conhecerás que Deus é Amor.
— Um Curso em Milagres: T-31. I. 10

The fear of God results as surely from the lesson that His Son is guilty as God’s love must be remembered when he learns his innocence. For hate must father fear, and look upon its father as itself. How wrong are you who fail to hear the call that echoes past each seeming call to death, that sings behind each murderous attack and pleads that love restore the dying world. You do not understand Who calls to you beyond each form of hate, each call to war. Yet you will recognize Him as you give Him answer in the language that He calls. He will appear when you have answered Him, and you will know in Him that God is Love.
—A Course in Miracles: T-31. I. 10

NENHUMA LUZ DO CÉU BRILHA A NÃO SER PARA TI l NO LIGHT OF HEAVEN SHINES EXCEPT FOR YOU
Olha mais uma vez para o teu inimigo, aquele que escolheste odiar ao invés de amar. Pois assim nasceu o ódio no mundo e assim foi o reinado do medo estabelecido aqui. Agora, que ouças Deus falar contigo através Dele, Que é a Sua Voz e também a tua, lembrando-te que não é tua vontade odiar e ser um prisioneiro do medo, um escravo da morte, uma pequena criatura com uma pequena vida.
A tua vontade é sem limites, não é tua vontade que ela seja limitada.
O que está em ti uniu-se ao próprio Deus no nascimento de toda a criação. Lembra-te Daquele que te criou e, através da tua vontade, criou todas as coisas. Nenhuma das coisas criadas deixa de te dar graças, pois foi pela tua vontade que ela nasceu.
Nenhuma luz do Céu brilha a não ser para ti, pois foi posta no Céu pela tua vontade.
— Um Curso em Milagres:T-30. II. 3

Look once again upon your enemy, the one you chose to hate instead of love. For thus was hatred born into the world, and thus the rule of fear established there.
Now hear God speak to you, through Him Who is His Voice and yours as well, reminding you that it is not your will to hate and be a prisoner to fear, a slave to
death, a little creature with a little life. Your will is boundless; it is not your will that it be bound. What lies in you has joined with God Himself in all creation’s birth. Remember Him Who has created you, and through your will created everything. Not one created thing but gives you thanks, for it is by your will that it was born.
No light of Heaven shines except for you, for it was set in Heaven by your will.
—A Course in Miracles:T-30. II. 3

NÃO HÁ OUTRA VONTADE SENÃO A VONTADE DO AMOR l THERE IS NO WILL EXCEPT THE WILL OF LOVE
Que tolice, Pai, acreditar que o Teu Filho poderia causar sofrimento a si mesmo! Ser-lhe-ia possível fazer um plano para a sua própria maldição e ser deixado sem um caminho certo para a sua liberação? Tu me amas, Pai. Não poderias nunca deixar-me desolado, para morrer num mundo de dor e crueldade. Como pude pensar que o Amor abandonou a Si Mesmo? Não há outra vontade senão a Vontade do Amor. O medo é um sonho e não há vontade que possa entrar em conflito com a Tua. O conflito é o sono e a paz o despertar. A morte é ilusão; a vida, verdade eterna. Não há oposição à Tua Vontade. Não há conflito, pois a minha vontade é a Tua.
— Um Curso em Milagres: W-pII. 331. 1

How foolish, Father, to believe Your Son could cause himself to suffer! Could he make a plan for his damnation, and be left without a certain way to his release? You love me, Father. You could never leave me desolate, to die within a world of pain and cruelty. How could I think that Love has left Itself? There is no will except the Will of Love. Fear is a dream, and has no will that can conflict with Yours. Conflict is sleep, and peace awakening. Death is illusion; life, eternal truth. There is no opposition to
Your Will. There is no conflict, for my will is Yours.
—A Course in Miracles: W-pII. 331. 1

EU SOU PARA SEMPRE UM EFEITO DE DEUS l I AM FOREVER AN EFFECT OF GOD
Pai, fui criado em Tua Mente, um Pensamento santo que nunca deixou o seu lar. Sou para sempre o Teu Efeito e Tu és para todo o sempre a minha Causa. Tal como me criaste permaneci. Onde me estabeleceste eu ainda habito. E todos os Teus atributos habitam em mim, pois é Tua Vontade ter um Filho tão semelhante à sua Causa, que vem a ser impossível distinguir a Causa do Efeito. Que eu tenha o conhecimento de que sou um Efeito de Deus e assim tenho o poder de criar como Tu crias. E é assim na terra como no Céu. Sigo o Teu plano aqui e, no final, sei que reunirás os Teus efeitos no Céu tranquilo do Teu Amor, onde a terra desaparecerá e todos os pensamentos separados unir-se-ão em glória como o Filho de Deus.
— Um Curso em Milagres: W-pII. 326. 1

Father, I was created in Your Mind, a holy Thought that never left its home. I am forever Your Effect, and You forever and forever are my Cause. As You created me I have remained. Where You established me I still abide. And all Your attributes abide in me, because it is Your Will to have a Son so like his Cause that Cause and Its Effect are indistinguishable. Let me know that I am an Effect of God, and so I have the power to create like You. And as it is in Heaven, so on earth. Your plan I follow here,
and at the end I know that You will gather Your effects into the tranquil Heaven of Your Love, where earth will vanish, and all separate thoughts unite in glory as the Son of God.
—A Course in Miracles: W-pII. 326. 1

O REFLEXO DO AMOR l LOVE´S REFLEX
Pai-nosso, abençoa os nossos olhos hoje. Somos os Teus mensageiros e queremos contemplar o glorioso reflexo do Teu Amor que brilha em todas as coisas. Vivemos e nos movemos só em Ti. Não estamos separados da Tua vida eterna. Não há morte, pois a morte não é Tua Vontade. E nós habitamos onde nos colocaste, na vida que compartilhamos Contigo e com todas as coisas vivas, para sermos como Tu és e parte de Ti para sempre. Aceitamos os Teus Pensamentos como nossos e a nossa vontade é uma com a Tua eternamente.
— Um Curso em Milagres: W-pI. 163. 9

Our Father, bless our eyes today. We are Your messengers, and we would look upon the glorious reflection of Your Love which shines in everything. We live and move
in You alone. We are not separate from Your eternal life. There is no death, for death is not Your Will. And we abide where You have placed us, in the life we share with You and with all living things, to be like You and part of You forever. We accept Your Thoughts as ours, and our will is one with Yours eternally.
—A Course in Miracles: W-pI. 163. 9

HOJE NÃO QUERO SONHAR l TODAY I DON´T WANT TO DREAM
Se aceito que sou um prisioneiro dentro de um corpo, num mundo em que todas as coisas que aparentam viver parecem morrer, então o meu Pai é prisioneiro comigo. E é nisso que eu acredito quando afirmo que tenho que obedecer às leis que o mundo obedece, que as fragilidades e os pecados que percebo são reais e não se pode escapar. Se sou limitado de qualquer forma, não conheço o meu Pai e nem o meu Ser e estou perdido para toda realidade. Pois a verdade é livre e o que é limitado não faz parte da verdade.
Pai, nada peço senão a verdade. Já tive muitos pensamentos tolos sobre mim mesmo e a minha criação e trouxe um sonho de medo para a minha mente. Hoje não quero sonhar. Escolho o caminho para Ti no lugar da loucura e do medo. Pois a verdade é segura e só o amor é certo.
— Um Curso Em Milagres: W-pII. 278

If I accept that I am prisoner within a body, in a world in which all things that seem to live appear to die, then is my Father prisoner with me. And this do I believe, when
I maintain the laws the world obeys must I obey; the frailties and the sins which I perceive are real, and cannot be escaped. If I am bound in any way, I do not know
my Father nor my Self. And I am lost to all reality. For truth is free, and what is bound is not a part of truth. Father, I ask for nothing but the truth. I have had many foolish thoughts about myself and my creation, and have brought a dream of fear into my mind. Today, I would not dream. I choose the way to You instead of madness and instead of fear. For truth is safe, and only love is sure.
—A Course in Miracles: W-pII. 278

© 2019 by Joma Sipe

Todos os Direitos Reservados / Proíbida a Cópia e Duplicação sem prévia Autorização do Autor

All Rights Reserved / Copy and Duplication Forbidden without Author´s Authorization

  • Joma Sipe Facebook
  • Joma Sipe Instagram
  • Joma Sipe Twitter
  • Joma Sipe YouTube